PdF

Os valores

In Axiologia on Outubro 16, 2007 at 4:15 pm

Que tipos de valores existem? 

Podemos classificar os valores de um duplo ponto de vista: formal e material. Do ponto de vista formal, os valores dividem-se como segue: 

1 – Positivos: e negativos. Valor positivo é aquele que mais geralmente costumamos designar pela expressão pura e simples de “valor”. O conceito de “valor” é geralmente usado numa dupla acepção: umas vezes, entende-se por esta palavra o valor em geral, independentemente da polaridade valor-desvalor, como conceito neutro, outras vezes entende-se só o seu aspecto positivo contraposto ao negativo. Ao valor positivo contrapõe-se o negativo, chamando-se então a este mais propriamente “desvalor”. Esta polaridade pertence à própria estrutura essencial da ordem axiológica, que assim se distingue fundamentalmente da ordem do ser a que é estranha uma tal estrutura.

2 – Valores das pessoas e valores das coisas, ou valores pessoais e reais. Valores das pessoas ou pessoais são aqueles que só podem pertencer a pessoas, como os valores éticos. Reais (de res) os que aderem a objectos ou coisas impessoais, como os das coisas ditas valiosas, designadas mais geralmente pela expressão “bens”.

3 – Valores em si mesmo, ou autónomos e valores derivados de outros ou dependentes. O valor em si reside na sua mesma essência; possui esse carácter com independência de todos os outros valores; não depende deles; não é meio para eles.  

Como todos os valores se acham referidos a um sujeito – o sujeito humano, o homem – e este é, antes de mais nada, um ser constituído por sensibilidade e espírito, daí o poderem classificar-se imediatamente todos os valores nas duas classes fundamentais de: valores sensíveis e valores espirituais. Os primeiros referem-se ao homem enquanto simples ser da natureza, os segundos ao homem como ser espiritual. 

A – Valores sensíveis.

A esta categoria pertencem:

1 – Os valores do agradável e do prazer, também chamados “hedónicos”. Ela abrange não só todas as sensações de prazer e satisfação, como tudo aquilo que é apto a provocá-las (vestuário, comida, bebidas, etc.). À ética que apenas conhece estes valores chama-se geralmente hedonismo.

2 – Valores vitais ou da vida. São aqueles valores de que é portadora a vida, no sentido naturalista desta palavra, isto é, Bios. Cabem aqui o vigor vital, a força, a saúde, etc. Como se sabe, foram estes os valores que Nietzsche reputou os mais elevados de todos na sua escala axiológica, como os únicos mesmo. E ao que se chama biologismo ético ou naturalismo.

3 – Valores de utilidade. Coincidem com os chamados valores económicos. Referem-se a tudo aquilo que serve para a satisfação das nossas necessidades da vida (comida, vestuário, habitação, etc.) e ainda aos instrumentos que servem para a criação destes bens. Distinguem-se dos restantes valores desta classe, nomeadamente dos sensíveis, para os quais aliás concorrem, por não serem, do ponto de vista formal, autónomos, mas derivados, no sentido que acima vimos. 

B – Valores espirituais.

Estes distinguem-se dos valores sensíveis, no seu conjunto, não só pela imaterialidade que acompanha a sua perdurabilidade, como pela sua absoluta e incondicional validade. Muitos filósofos, que encaram os valores só por este último lado, identificando-os por isso com o conceito de simples “valor” ou validade formal, pretendem que só os valores espirituais são verdadeiros valores.Porém, quem se lembraria de negar aos economistas o direito de usarem também do termo e do conceito de valor? À categoria dos valores espirituais pertencem: 

1- Os valores lógicos. Quando se fala de valores lógicos, é preciso ter presente que se podem entender por esta expressão duas coisas distintas: a função do conhecimento – o saber, a posse da verdade e o esforço para a alcançar – e o conteúdo do conhecimento. No primeiro sentido, é óbvio que podemos falar, com todo o direito, em valores lógicos ou no valor do conhecimento. Contrapor-se-lhe-ão, como desvalor lógico, a ignorância, o erro, a falta de interesse pela verdade, a ausência de esforço para a alcançar, etc. Mas a expressão “valor lógico” pode significar também o próprio conteúdo do conhecimento. E, neste segundo caso, é “valor lógico” tudo aquilo que cai dentro do par de conceitos verdadeiro-falso [...]. 

2 – Valores éticos: ou do bem moral. Destes podem dar-se as seguintes características:

a) Só podem ser seus portadores as pessoas, nunca as coisas. Só seres espirituais podem encarnar valores morais. Por isso o âmbito destes valores é relativamente restrito; muito mais, por exemplo, que o dos estéticos.

b) Os valores éticos aderem sempre a suportes reais. Também, por este lado, se distinguem dos valores estéticos, cujo suporte é constituído por algo de irreal, de mera aparência.

c) Os valores éticos têm o carácter de exigências e imperativos absolutos. Dele desprende-se sempre um categórico “tu deves fazer” ou “tu não deves fazer”, isto ou aquilo; exigem, imperiosamente, que a consciência os atenda e os realize. E nisto se separam também dos estéticos que não impõem nenhuma exigência desta natureza, nem se nos impõem incondicionalmente. d) Os valores éticos dirigem-se ao homem em geral, a todos os homens; são universais, a sua pretensão a serem realizados é universal. Os estéticos não estão neste caso, apenas dirigem o seu apelo a alguns homens, para que estes os realizem, e nem todos podem ser obrigados a dar-lhe acolhimento, a fazer arte, ou a cultivá-las de qualquer maneira. e) Além disso, é, pode dizer-se, ilimitada também a exigência que os valores éticos nos fazem: constituem uma norma ou critério de conduta que afecta todas as esferas da nossa actividade e da nossa conduta da vida. Esta acha-se sujeita, total e incondicionalmente, a eles na sua imperiosa jurisdição e validade. Nada deve ser feito que os contrarie. Poderia definir-se esta característica dos valores éticos chamando-lhes totalitários. Não assim os valores estéticos. Estes só reclamam de nós que os realizemos em certas situações e momentos da vida, permanecendo calados durante os restantes; não somos obrigados a ser estetas e, menos ainda, a toda a hora (…). 

3 – Valores estéticos, ou do Belo. Incluímos aqui no conceito de belo, no mais amplo sentido desta palavra, o sublime, o trágico, o amorável, etc.  

4 – “,Valores religiosos ou do”sagrado”. Já atrás aludimos ao que há de original nestes valores. A eles não adere propriamente nenhum “deve ser”. Não temos que realizar esses valores; nem isso é possível nem necessário. Não são valores de um “deve ser”, mas valores de um “ser”; Nisto se afastam dos valores éticos para se aproximarem dos estéticos com os quais estão numa relação muito íntima. Todavia, existe também entre eles e estes últimos uma diferença que cumpre salientar: a realidade do “sagrado”, não é, como a do “Belo”, apenas uma realidade aparente, mas uma realidade no mais eminente sentido desta palavra. 

Johannes Hessen, Filosofia dos Valores, Ed. Arménio Amado; Coimbra. pp. 107-117

About these ads
  1. Parabéns pelo artigo, muito bem estruturado e com uma linguagem de fácil enteendimento.

  2. Valorees é tudo aquilo que nos levam a construção dde nossa personalidade e uma consciência crítica, quee nos permite refletir sobre nossa realiidade.

  3. Francisco Pereira,

    Convirá esclarecer que o autor do texto é Johannes Hessen, filósofo alemão (1889 – 1971). Pode saber algo mais sobre esse filósofo aqui: http://es.wikipedia.org/wiki/Johannes_Hessen. Em todo o caso, esperamos que o texto lhe seja útil.

    Cumprimentos

  4. Bom, eu gostei muito..bem estruturado…mas eu acho que faltou os valores particulares..

  5. faltou valores materiais…,porém gostei!

  6. Gostei muito, mais faltou valores materiais, parabéns, muito bem estruturado…
    Eu dou nota 9.5, porque faltou alguns tipos de valores…

  7. Tem uma coisinha, voce escreveu “econòmicos” e é “econômicos”, dá pròxima vez, dá um grau na gramatica, tá?

  8. [i]adorei o textoo me ajudou mto…

  9. o gente responde essa pra mim…

    A ingnorância exime da responsabilidade moral?

  10. Bom…me desculpem se eu falar alguma coisa errada mas eu acho que faltou valores economicos, mas esse site foi o unico que eu achei um montão de coisa sobre os valores.
    Me ajudou bastente graças a esse site eu acho que vou tirar 10,00 no trabalho de ensino religioso.
    kkkkk :)

  11. Será que faltou os sociais? ou eu qeu não? :/

  12. eu achei muito enteresante poisfiz um trabalho sobre os valores,pois eu achei muito importante isso.garanto quem vem para esse sit e inteligente entao esta de 0,10.amei.

  13. graças tambem a esse sit que vou tirar 0,10 no trabelho de historia graças a deus maravilhoso e poderos,bom agora eu vou sair poruqe vou fazer outra pesquisa de historia,sobre preconceito com as pessoas baixas.valeuuuuuuuuuuuuuu.xau

  14. eu estou estudando para a feira cutural da escola e todo dia eu dou uma lidinha nesse sit,porque tudo o que vai cair na feira tem aqui,entao eu estou aproveitando.gosto do asunto
    ¨VALORES MORAIS¨,eu acho esse asunto enteresante porque fala os tipos de valores que esiste entre nos.xauuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu.amanha estarei em breve aqui nesse sit estudando. aaaaaaaaaaaaaaaaa,so uma pergunta e uma exclamaçao,nos todos que vistamos esse sit e nerd.eu sou uma nerd da sala.vcs sao?xauuuuuu…

  15. MUITO BOM ESTE SITE, FOU TIRAR 10 NO TRABALHO DE FILOSOFIA, SÓ QUE NO VALOR ESTETICO FOI FALADO TÃO POUCO, E FOI DRAMATIZADO COMO SE FOSSE O FIM DO MUNDO…

  16. bem estruturado os tròpicos sobre valores, eu acho que deveria falar sobre os valores particulares.

  17. MUITO BOM!!!

  18. Gostei, mas estava precisando mais sobre,«valores de estética e contra valores». De resto muito bom.

  19. muito legal esse site…Gostei,vai me ajudar muito no trabalho de filosofia…!!!!

  20. precisava que me citasse alguns valores positivos e negativos. Obrigada

  21. muito bom esse texto gostei

  22. tem tudo o que voçe precisa

  23. Primeiramente quero agradecer pela enorme ajue que este site me ofereceu, graças a este mesmo site ja posso definir os valores e classifica-los obrigado e fuiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

  24. eu gostei muito do jeito bem esplicado desse texto ele e facil de se intemder!!

  25. muito otimo esse sayte

  26. Muito boa esta pagina me deixou a konhecer maix sobre os tipos de valores!

  27. Obrigada pela ajuda, num sufoco decidi consultar as sabías paginas inteligentes da internet.

  28. Gostei muito mais xtou muit preocupad por algo w mas por tant nao perd paciencia…

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: